Regulamento Rampa Município de Castelo Branco

Rampa Município de Castelo Branco

Regulamento Particular

Tendo como objetivos principais a organização, a promoção e a coesão na prática do ciclismo na vertente de estrada, decidiu a ACBI em consonância com a FPC promover uma prova na modalidade de rampa denominada “Rampa Município de Castelo Branco”. 

 

1. ORGANIZAÇÃO

O evento “Rampa Município de Castelo Branco”, é organizado pela Associação de Ciclismo da Beira Interior – Av. Professor Egas Moniz, Zona de Lazer, 6000 – 901 Castelo Branco, com base no Regulamento Geral e Técnico de Corridas (RGTC) e nas adaptações regulamentares específicas no contexto Covid-19, publicados pela FPC. Salvo casos particulares descritos neste regulamento, será tido em conta o referido RGTC.

 

2. LOCAL E DATA DA PROVA

O evento realiza-se no dia 6 de Setembro, com partida da localidade de Louriçal do Campo (Torre) e chegada a Casal da Serra, concelho e distrito de Castelo Branco. 

 

3. TIPO DE PROVA

A prova está inscrita no calendário regional da ACBI, com aprovação da FPC, na vertente estrada, especialidade de rampa.

Apenas poderão participar nesta provas bicicletas de estrada. As bicicletas de contrarrelógio estão proibidas, assim como a utilização de bicicletas de outras

vertentes ou bicicletas de estrada modificadas;

Da mesma forma, os atletas das categorias cadetes e juniores são obrigados a usar as desmultiplicações que constam no Regulamento Geral e Técnico de Corridas

(RGTC). Estes andamentos serão medidos antes dos atletas partirem.

 

4. PARTICIPAÇÃO

A prova é aberta apenas a filiados na FPC, de ambos os sexos, quer sejam filiados pela ACBI ou outra associação regional de ciclismo.

A prova está aberta à participação de ciclistas profissionais, no entanto não contarão para nenhuma das classificações (Rampa Município de Castelo Branco e Campeonato

Regional de Rampa).

A prova conta ainda para o campeonato regional de rampa - estrada, contando para esta competição apenas os atletas filiados pela ACBI e de acordo com o regulamento específico deste campeonato.

 

5. INSCRIÇÕES

As inscrições dos participantes serão realizadas através do web site da ACBI, e deverão ser efetuadas obrigatoriamente até às 24h da 6ª feira anterior ao evento. A inscrição é gratuita. 

 

6. SECRETARIADO E LOGÍSTICA

A confirmação dos atletas participantes será realizada de forma não presencial.

Assim, todos os atletas inscritos deverão confirmar a sua presença na prova no sábado, dia 5 de Setembro, até às 20 horas, para o email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Da mesma forma, no mesmo email, devem nomear um elemento que levantará no dia da prova, no secretariado, os dorsais. No caso de um atleta individual, será ele próprio, e no caso de equipas, deve ser designado um único responsável da equipa que levantará todos os dorsais.

Atenção: só poderão ser nomeados como responsáveis para o levantamento dos dorsais, atletas ou diretores filiados na FPC

O secretariado realiza-se dia 6 de Setembro das 08:30h às 09:30h dentro da zona 0, no Centro de Animação Social (antiga escola primária), situado no Bairro Senhora da Serra, em Louriçal do Campo, e servirá unicamente para a entrega de dorsais.

Nas traseiras deste local localizar-se-á o parque de estacionamento para todos os participantes e staff.

A cerimónia de entrega de prémios decorrerá no Centro de Animação Social (zona 0).

Durante o secretariado e entrega de prémios, é obrigatório o uso de máscara de proteção a todos os elementos presentes.

 

7. ESTRUTURA DA PROVA

7.1 A Prova

A prova consiste num contrarrelógio individual, numa distância de 2 km, em subida acentuada (inclinação média de 10%)

7.2 Identificação dos corredores participantes

Os corredores são identificados por um DORSAL NA CAMISOLA (COSTAS), DE USO OBRIGATÓRIO eem caso algum, pode ser recortado nem alterado. É obrigatório os atletas levarem alfinetes para a afixação do dorsal.

7.3 Categorias dos participantes

MASCULINOS 

CADETES 

15 e 16 ANOS 

JUNIORES 

17 e 18 ANOS 

SUB 23 / ELITES 

19 a 29 ANOS

MASTERS 30 

 30 a 39 ANOS 

MASTERS 40 

 40 a 49 ANOS 

MASTERS 50+

50 ANOS ou +

 

FEMININAS 

CADETES 

15 e 16 ANOS 

JUNIORES 

17 e 18 ANOS 

SUB 23 / ELITES  

19 a 29 ANOS

MASTERS FEMININAS 

30 ANOS ou +

 

7.4 Horários

08:45h  

Controlo/entrada na zona 0

10:30h

Partida do primeiro atleta para a 1ª subida

11:40h – 12:00h

Intervalo - afixação da classificação provisória

12:00h

Partida do primeiro atleta para a 2ª subida

13:10h

Término da prova

13:30h

Afixação da classificação final

13:45h

Cerimónia protocolar de entrega de prémios

 

8. PROVA

A partida dos atletas será realizada por categorias e de acordo com a ordem que segue: cadetes fem - masters fem - juniores fem - sub23/Élites fem - cadetes - master 50+ - master 40 - master 30 - juniores - sub23/Élites;

Os atletas partem com um intervalo de 1 minuto (ou 30 segundos caso o número de participantes seja elevado);

Os atletas que não partirem na sua hora, poderão partir posteriormente, mas somente após o consentimento do comissário de partida, contando sempre a sua hora oficial de partida para o tempo que fizerem na prova;

O atleta está proibido de se agarrar a qualquer parte da estrutura de partida. A partida será feita com o pé no chão;

A organização afixará num placar junto à partida e na zona 0 a lista ordenada da saída dos atletas e respetivo horário de saída;

A prova constará de duas subidas, contando para a classificação final, o melhor dos dois tempos realizados;

Caso, por qualquer motivo (queda, avaria mecânica), o atleta não termine uma das subidas, não poderá repetir a mesma;

No caso de um atleta ser prejudicado durante a sua subida por motivos que lhe sejam alheios (interferência evidente de veículos, ou outro tipo de fatores externos) deve comunicar o facto de imediato ao colégio de comissários e, caso se comprove a interferência, terá direito a repetir a subida. No entanto, em caso algum repetirá a subida por interferência causada por espectadores;

Os atletas apenas poderão abandonar a zona 0, e dirigir-se para a zona de partida, após autorização do comissário;

Da zona 0 até à zona de partida, os atletas farão o percurso em grupos de 5, sendo obrigados a manter uma distância de 2 metros entre eles, não podendo sair do percurso traçado entre as duas zonas. Parar durante este trajeto, apenas será permitido por motivos de força maior (furo, avaria, etc.);

Após realizar a sua prova, os atletas devem obrigatoriamente regressar à zona 0, pelo percurso que lhes será indicado pela organização;

Os atletas, e respetivas equipas, devem providenciar abastecimento líquido e sólido. Cada atleta deve ser portador dos seus próprios bidons, que devem estar devidamente identificados. Considerando a pequena duração do percurso a organização não disponibilizará águas para os atletas em nenhum local;

Da mesma forma, devido às contingências originadas pela pandemia, não haverá direito a almoço nem a banhos em pavilhão. Relativamente aos banhos, a organização disponibiliza junto à zona 0, um espaço com mangueiras e chuveiros portáteis ao ar livre, para utilização dos atletas que o desejarem. 

 

9. CLASSIFICAÇÕES

9.1 São estabelecidas as seguintes classificações:

Classificação geral individual

Classificação individual por categorias

9.2 Critérios de desempate

Em caso de empate, considera-se o seguinte critério de desempate:

Atleta com melhor tempo na soma das duas subidas 

 

10. PRÉMIOS

Serão atribuídos os seguintes prémios: 

Troféus aos 3 primeiros classificados de cada categoria.

Os 3 primeiros classificados de cada categoria são OBRIGADOS a participar na cerimónia de entrega de prémios, equipados com a roupa oficial da equipa.

 

11. CERIMÓNIA PROTOCOLAR

De acordo com o ponto 10, deverão comparecer à cerimónia de pódio, de acordo com as categorias descritas no ponto 7.3, todos os participantes que tiverem direito a prémio. 

Caso não possam comparecer na cerimónia, por motivos de força maior, deverão justificar a sua ausência junto do colégio de comissários. No entanto, não podem ser representados por outro elemento, ficando o espaço do atleta ausente, vazio.

Os atletas deverão usar calçado desportivo ou calçado de ciclismo. Não poderão ir ao pódio de chinelos.

Os atletas deverão usar máscara de proteção na cerimónia de pódio, sendo apenas retiradas no momento de consagração, para a fotografia.

 

12. RECLAMAÇÕES

As reclamações apresentadas no dia da prova (sejam relacionadas com classificações, disciplina, percurso, ou outras, deverão ser feitas por escrito, num máximo de 15 minutos após a afixação das classificações. Deve ser o diretor desportivo da equipa, ou o atleta individual, a apresentar a reclamação, fazendo-se acompanhar de todas as provas factuais relativas à reclamação em causa. O colégio de comissários, em conjunto com o organizador, atuará em conformidade com os regulamentos da UVP-FPC. 

 

13. PENALIDADES

Aplicação exclusiva do RGTC – Título 2 – Provas de Estrada – Capitulo XII – Factos de Corrida – UCI/UVP-FPC (01.01.2020).  

 

14. ECOLOGIA

A organização deste evento, na salvaguarda dos bons princípios de proteção ambiental e de promoção do ciclismo ecológico, apela aos diversos intervenientes no evento, no sentido de reforçarem a adoção de medidas que permitam a manutenção da limpeza dos locais de partida, chegada e percursos das provas. Esta preocupação assume maior relevo considerando que parte da prova se desenrola em zona protegida da serra da Gardunha.

 

15. SITUAÇÕES OMISSAS

As situações omissas não previstas neste regulamento serão resolvidas pela ACBI, e se necessário, em conjunto com o colégio de comissários, tentando sempre que as decisões tomadas reflitam o interesse de todos, e a verdade desportiva, não havendo qualquer possibilidade de recurso posterior.

 

16. ACEITAÇÃO

Os atletas participantes na “Rampa Município de Castelo Branco”, com a simples inscrição e participação no evento, declaram que aceitam e concordam integralmente com este regulamento. 

 

Associação de Ciclismo da Beira Interior

Agosto de 2020

Acerca da ACBI

A ACBI é a representante oficial da UVP-FPC para a região da Beira Interior, distritos de Castelo Branco e Guarda.

Excluem-se os concelhos de Seia, Gouveia, Fornos de Algodres, Celorico da Beira, Aguiar da Beira, Trancoso, Mêda e Vila Nova de Foz-Côa, pertencentes à Associação de Ciclismod e Viseu.

Morada: Av. Professor Egas Moniz, Zona de Lazer - 6000-901 Castelo Branco

Últimas Notícias

©2020 ACBI 2018. Todos os direitos reservados

Pesquisar